Já ajudou 0 pessoas

Entenda os cuidados durante a gestação, lactação e desmame de cães: atenção com a cadela e os filhotes

5.00 avg. rating (96% score) - 2 votes

Sua família pet vai aumentar? Tratar de uma cadelinha grávida requer muitos cuidados especiais. A futura mamãe precisa ter uma alimentação adequada, para que passe por esses 63 dias sem adoecer. Além disso, ela precisa estar preparada para amamentar os filhotinhos por dois meses após o parto. Falando em filhotinhos, eles também precisarão de muito amor e carinho para crescerem fortes e saudáveis e tudo isso dependerá de você! Está preparada? Entenda os cuidados durante a gestação, lactação e desmame de cães:

Atenção com a cadela e os filhotes

cuidados-com-a-gestação-300x300Cuidados durante a gestação 

Os cuidados com a cadela e os filhotes devem ser tomados durante toda a gestação. Para começar, é importante que você leve a cadela ao médico veterinário para que ela seja avaliada. Aproveite e veja com ele se a carteirinha de vacinação e a vermifugação da futura mamãe estão em dia.

A nutrição da gestante também deve ser especial. É importante que durante esses dias você ofereça a ela apenas alimento com níveis de energiar semelhante a um alimento para filhotes. Isso porque esse alimento apresenta teores de nutrientes (proteína, gordura, vitaminas e minerais) ela precisará desses nutrientes para a formação dos bebês e depois para a produção de leite.

Quando a cadela não recebe essa alimentação diferenciada, há riscos de ela sofrer com a queda de cálcio, que é chamada de hipocalcemia. Isso é muito perigoso. Ela pode perder a coordenação, pode não conseguir andar e até ter convulsões, colocando a vida em risco. Por isso, garanta uma alimentação de melhor qualidade até ela parar de amamentar.

Cuidados durante o parto

Quando a data do parto estiver próxima, arrume um caixa em um lugar bem calmo, para que ela use como ninho. Coloque panos limpos e garanta que o local esteja limpinho e longe do movimento. Ela precisa de um local que se sinta segura para dar a luz aos seus bebês e amamentá-los.

A maioria das mamães cadelinhas limpam os bebês e comem a placenta. Porém, se ela for muito novinha e tiver emprenhado no primeiro cio, pode ficar meio confusa e precisar de ajuda. Nesse caso, você pode tanto chamar o médico veterinário para que ele ajude, quanto, durante a consulta, pedir que ele oriente como proceder.

Será necessário cortar o cordão umbilical e massagear o filhote para limpar todas as vias aéreas. Por isso, é bom que ele oriente e mostre como fazer isso. Mas atenção: isso só deve ser feito se você notar que a cadelinha não fez e deixou o filhote de lado, o que é difícil acontecer. Caso ela comece a limpar, se afaste e deixa-a fazer seu trabalho.

Após o parto, troque os panos para deixar a caixinha limpa e sem sangue. Se ela ainda não estiver bem limpa, pode passar um pano úmido para tirar o resíduo de sangue. No geral, ela mesma ajuda os bebês a acharem as tetinhas, mas caso você note que isso não acontece, com as mãos limpas, ajude os filhotinhos a se posicionarem. Deixe água e comida próximos ao local, pois ela não vai querer sair muito de perto dos filhotes para se alimentar.

parto-da-cadelaCuidados durante a lactação e desmame dos filhotes

Os filhotes devem mamar por 60 dias, mas a partir de 35 dias de vida você pode começar a oferecer alimento específico para filhotes para que eles comecem a aprender a comer. Inicialmente a cocistência desse alimento tem que ser mais liquida, para que o corra uma melhor adaptação do filhote até o período de desmame. Depois, gradativamente, vá colocando o alimento seco à disposição.

Em média, aos 45 dias de vida eles precisam tomar a primeira vacina e a vermifugação poderá ser feita mais ou menos nessa idade, de acordo com o protocolo médico veterinário. Não deixe de seguir todo o protocolo vacinal para garantir a saúde dos filhotinhos.

alimentação-artificial-filhotes-300x199Uso de alimentação artificial

Caso seja necessário o fornecimento de um suplemento ou de um substituto do leite materno, deve-se selecionar um leite adaptado à espécie canina e utilizar, de preferência, água engarrafada pouco mineralizada para a sua preparação.

O leite deve ser preparado imediatamente antes da sua administração. Se necessário, pode ser conservado no refrigerador, mas não deve ser guardado por mais do que algumas horas. Se os filhotes conseguirem mamar corretamente, a mamadeira pode ser uma opção.

A intubação é um processo muito técnico que, se não for bem executado, pode conduzir a uma pneumonia por aspiração. Se os cãezinhos forem órfãos, também deverá imitar o comportamento maternal, estimulando a sua região perineal com um pano quente umedecido durante as três primeiras semanas de vida, para os encorajar a urinar e defecar.

Publicado em 20 de outubro de 2014

Este conteúdo ajudou você?

Sim Não